[1]
S. R. Quintanilha, “O automóvel como não lugar: construindo um significado para o fetiche da mercadoria, do jornalismo esportivo ao jornalismo automotivo”, AJ, vol. 22, nº 2, p. 317-336, jul. 2020.