Das Dysenterias na Cidade de S. Paulo

  • F. Borges Vieira Faculdade de Medicina. Instituto de Hygiene de S. Paulo

Resumo

Denotando uma quéda gradual e rapida, as variações tornam-se menoes a partir de 1897, limitando assim um periodo de possíveis confusões diagnosticas, facto identico se verificando ao observar as curvas de febre tylhoide ou de malaria naquella época.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Vieira, F. (1). Das Dysenterias na Cidade de S. Paulo. Boletim Do Instituto De Higiene De São Paulo, (45), 4-27. https://doi.org/10.11606/issn.2359-537X.v0i45p4-27
Seção
Artigos