Ad suum principium: o conceito de multitudo em Espinosa

  • Antônio David FFLCH-USP

Resumo

Objetivamos examinar a centralidade do conceito de multitudo e, por conseguinte, do Tratado Político para a compreensão da maneira pela qual Espinosa concebe a gênese e a manutenção da vida comum. Para tanto, argumentamos haver no tratado três camadas do conceito de multitudo. A maneira como essas camadas se relacionam é uma chave de interpretação da vida comum e da história em Espinosa.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-12-29
Como Citar
David, A. (2018). Ad suum principium: o conceito de multitudo em Espinosa. Cadernos De Ética E Filosofia Política, 2(33), 110-134. Recuperado de http://www.journals.usp.br/cefp/article/view/153281
Seção
Artigos