A dimensão ontológica: um caminho possível para a concretização da interdisciplinaridade

  • Marcus Alexandre de Pádua Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Felipe da Silva Triani Faculdade Gama e Souza
  • Eliane Cristina Tenório Cavalcanti Universidade do Grande Rio
  • Cristina Novikoff Universidade Federal de Campina Grande
Palavras-chave: Interdisciplinaridade, Epistemologia, Ontologia, Materialismo histórico-dialético

Resumo

O presente artigo tem como objetivo analisar criticamente a concepção idealista e a-histórica de interdisciplinaridade predominante na literatura acadêmico-científica brasileira. O intuito é demonstrar as aporias das propostas teóricas ditas interdisciplinares, com ancoragem no campo ideológico, fenomenológico, abstrato e arbitrário que sustenta a fragmentação do saber por meio de discursos tão somente epistemológicos, sem alcance da dimensão ontológica – caminho possível para a concretização da interdisciplinaridade. Para isso, primeiramente, resgata-se historicamente os movimentos que deram origem à visão fragmentada da realidade. A seguir, faz-se uma breve apresentação e discussão do estado do conhecimento sobre a interdisciplinaridade no cenário brasileiro de publicações qualificadas. Na sequência, discute-se a fragmentação e seus resultados, a partir de um movimento histórico de crescente complexificação da realidade social. Finaliza-se, tecendo a crítica a esse modelo. Para isso, tem-se como orientação, principalmente do ponto de vista ontológico e político-epistemológico, o materialismo histórico-dialético.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-01-01
Como Citar
Pádua, M., Triani, F., Cavalcanti, E., & Novikoff, C. (2018). A dimensão ontológica: um caminho possível para a concretização da interdisciplinaridade. Educação E Pesquisa, 44, e166665. https://doi.org/10.1590/s1678-4634201709166665
Seção
Artigos