[1]
V. C. P. da Silva, “O espaço fluído no imaginário das artes contemporâneas: a sensibilidade emergente”, Rev. Geogr., Lit. Arte, vol. 1, nº 1, p. 94-123, jan. 2018.