A AUTORIA ANTES DA RECEPÇÃO: UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO DE LITERATURA EM TIMOR-LESTE

  • Patricia Trindade Nakagome Uniersidade de São Paulo
Palavras-chave: ensino de literatura, recepção, Timor-leste, lusofonia, autoria.

Resumo

Neste artigo, apresentamos a experiência de docência da língua portuguesa e da literatura lusófona no Timor-Leste durante um ano letivo na única universidade pública do país, a Universidade Nacional Timor Lorosa’e (UNTL). Mostraremos a diferença entre o planejamento inicial das aulas e o seu desdobramento concreto, em que se fez evidente a necessidade de que os alunos fossem estimulados a tornarem-se autores de suas próprias histórias antes de serem leitores de textos literários. Inicialmente, considerava-se que o trabalho com obras da tradição lusófona possibilitaria uma forma interessante de discutir a maneira singular como o Timor-Leste dialogava com a cultura de uma de suas línguas oficiais. No entanto, diante da grande diferença cultural e linguística que separava professor e alunos, apresentamos como tal objetivo foi modificado e postergado. Discutiremos as escolhas didáticas feitas a fim de respeitar não apenas a especificidade daquele grupo de estudantes, mas também o próprio texto literário, o qual perderia em sentido caso fosse lido apenas através da interpretação do professor. Dessa forma, mostramos, neste artigo, a necessidade de que a autonomia e a autoria sejam apoiadas como maneira de garantir a recepção efetiva do texto literário em sala de aula.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patricia Trindade Nakagome, Uniersidade de São Paulo
Doutoranda do Departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada - USP
Publicado
2013-06-27
Como Citar
Nakagome, P. (2013). A AUTORIA ANTES DA RECEPÇÃO: UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO DE LITERATURA EM TIMOR-LESTE. Linha D’Água, 26(1), 83-100. https://doi.org/10.11606/issn.2236-4242.v26i1p83-100
Seção
Artigos originais